top of page

COMO SURGIU O DOSSEL NAS CAMAS?

Atualizado: 5 de jul. de 2022



Na maioria dos castelos e casas senhoriais e em algumas habitações da cidade, materiais como madeira, telhas de barro e pedra foram usados ​​para telhados. Todos serviam ainda melhor do que palha para "impedir que as coisas caíssem dentro de casa". Os camponeses, claro, que eram os mais propensos a sofrer os aborrecimentos causados ​​por um telhado de palha mal cuidado, geralmente dormiam em colchões de palha no chão ou em um loft. Eles não tinham camas de dossel para impedir a queda de vespas mortas e excrementos de ratos.


Já os nobres não precisavam de dossel para impedir a entrada de coisas que caíam do telhado, senhores e damas prósperas, tinham camas com dossel e cortinas. Por quê?


A resposta é porque as camas de dossel usadas na Inglaterra e na Europa medievais têm suas origens em uma situação doméstica totalmente diferente.


Nos primeiros dias do castelo europeu, o senhor e sua família dormiam no grande salão, junto com todos os seus servos. A área de dormir da família nobre geralmente ficava em uma extremidade do corredor e era separada do resto por cortinas simples. Com o tempo, os construtores de castelos construíram aposentos separados para a nobreza, mas embora os senhores e as damas tivessem sua(s) cama(s) só para eles, os atendentes podiam dividir o quarto por conveniência e segurança. Por uma questão de aconchego e privacidade, a cama do senhor tinha cortinas e seus atendentes dormiam em simples colchões no chão, em camas menores ou em bancos.


A cama de um cavaleiro ou de uma dama era grande e com estrutura de madeira, e suas "molas" eram cordas entrelaçadas ou tiras de couro sobre as quais repousava um colchão de penas. Tinha lençóis, colchas de pele, colchas e travesseiros, e podia ser facilmente desmontado e transportado para outros castelos quando o senhor fazia um tour por suas propriedades. Originalmente, as cortinas eram penduradas no teto, mas à medida que a cama evoluiu, uma moldura foi adicionada para suportar um dossel, ou "testador", do qual as cortinas pendiam.


Camas semelhantes eram adições bem-vindas às casas geminadas, que não eram necessariamente mais quentes que os castelos. E, como em matéria de costumes e vestimentas, os prósperos habitantes da cidade imitavam a nobreza no estilo dos móveis usados ​​em suas casas.

 

Fonte - Gies, Frances & Gies, Joseph, Life in a Medieval Village


339 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page